Filosofia na Escola

Provavelmente você já ouviu ou leu a genial frase “sei que nada sei”. O que será que a afirmação [sei que nada sei] tem a ver com o nosso cotidiano?

Começaremos explicando sua autoria. Escritos antigos e gregos fundamentam que a frase citada acima foi elaborada pelo patrono da filosofia [Sócrates]. Viveu na Grécia antiga tendo um testemunho de vida exemplar. Mas, como uma pessoa pode ser um sábio se afirma que nada sabe? Esse princípio de humildade “nada sei”, faz com que, o ser humano, na sua ânsia existencial, busque novas formas de conhecimentos e saberes.

Não podemos esquecer que Sócrates era dono de um método reflexivo chamado de maiêutica, ciência essa que fazia com que as pessoas gerassem as suas próprias idéias. Levando as pessoas as questionarem o porquê pensar daquela maneira e não de outra

Outra célebre frase socrática era “conheça a si mesmo”. Por que conhecer-se? Contextualizando melhor, constatamos que no período anterior a Sócrates, os pensadores filosóficos tinham a preocupação sobre as questões da origem, formação composição e organização do cosmo (período cosmológico). Sócrates é pioneiro de uma nova etapa, que os historiadores intitulam como fase humanística ou socrática. O principal expoente desse período era o próprio Sócrates, que incentivava as pessoas a refletirem sobre si mesmo, seu interior e a se conhecerem. Nessa etapa da Filosofia, o ser humano passa a ser o centro do universo. Outrora era cosmo-centrismo (O universo no centro), mas, com os socráticos, aflorou-se o antropocentrismo (O homem no centro), por isso, “conheça a si mesmo”.

Depois dessa breve explanação, discutimos: Qual a primeira intenção da Filosofia na escola? Penso que ela [Filosofia] deve levar os alunos e alunas conhecerem melhor a si mesmos, sociedade e mundo que os cerca. Despertando autonomia do pensar, agir e se comportar. Apropriando do seu ser mais íntimo o educando e educanda são chamados efetivamente para serem geradores das suas próprias idéias e transformadores da realidade. A finalidade da Filosofia na escola é mais do que ensinar pensamentos, que também é importante, mas a Filosofia deve despertar o aluno a pensar sistematicamente e criticamente.

O filósofo Kant dizia “Não se ensina filosofia. Se ensina a filosofar”. Essa é a principal função da Filosofia no ensino médio, ensinar os estudantes a pensar critica, sistemática e filosoficamente.

Todos nós devemos ter um novo olhar sobre a Filosofia (sobretudo os educadores de outras áreas). Ela não pode ser vendida com disciplina ou ciência de pessoas que ficam divagando sem ter ocupações, nem como salvadoras da educação e da humanidade. Mas deve ter o seu merecido respeito.

Deixe a sua opinião sobre: qual a importância da Filosofia no Ensino Médio e nas nossas vidas? Pois a filosofia deve começar na escola e se entender a vida!


Por Márcio Alexandre da Silva (Márcio Alexandre da Silva é formado em Filosofia e educador da rede pública de ensino do Estado de São Paulo- Assis - SP). Contato: marciobressane@hotmail.com

77 Response to "Filosofia na Escola"

  1. Luis henrique Says:
    9 de abril de 2009 20:46

    A filosofia é muito importante para nós jovens, pois nos ajuda a entender melhor o mundo e o que realmente esta acontecendo.
    Aluno do segundo ano do ensino médio da Escola Estadual Adalgisa - Palmital – SP

  2. Márcio says:
    9 de abril de 2009 20:57

    Um dos propósitos da filosofia no ensino médio é elaborar como disse Luiz Henrique uma compreensão do mundo e da sociedade.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  3. Bianca Mnocci Deliberali Says:
    9 de abril de 2009 21:27

    No ensino médio a filosofia além de formar estrutura ética de cada um. Nas universidades, quase todos os cursos tem filosofia como disciplina. Daí a sua importância como introdução no ensino médio.

  4. Márcio says:
    9 de abril de 2009 21:56

    Concordo com a Bianca, a filosofia do ensino médio pode ser um propedêutico, ou seja, introdutórias de futuras disciplinas filosóficas nos curso universitários.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  5. Jacqueline Girotto says:
    10 de abril de 2009 07:06

    “Sou Jacqueline, terminei recentemente o ensino médio, estou cursando o técnico em enfermagem.
    E concordo com Márcio que cita Sócrates dizendo “conhece a si mesmo”. A filosofia me ajudou profundamente na minha auto-estima e conhecimento próprio além dos ensinos éticos e morais.
    Posso dizer, sem medo de errar que a filosofia no ensino médio ajudou a formar o meu bom caráter e boa índole”

    Jacqueline Girotto – Curitiba – PR

  6. Márcio says:
    10 de abril de 2009 07:17

    Belo depoimento da Jacqueline Girotto, enfatizando a importância da filosofia na formação da sua identidade pessoal e filosófica.
    Parabéns Jacqueline! Você soube aproveitar as aulas de filosofia no ensino médio.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  7. Thais Franco de Oliveira Says:
    10 de abril de 2009 20:15

    Eu gosto da filosofia, principalmente a parte que podemos nos expressar o que pensamos.
    A parte que não gosto é há coisas que não consigo entender, mas vou tentando.
    Thais Franco de Oliveira, estudante do segundo ano do ensino médio.

  8. Márcio says:
    10 de abril de 2009 20:20

    A filosofia é liberdade de pensamento crítico mesmo. Thais persista nas coisas que não compreende peça explicação ao professor, a insistência é uma grande virtude filosófica.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  9. Paula Aline. Says:
    10 de abril de 2009 20:40

    A filosofia não é só importante no ensino médio, mas todas as etapas de nossa vida.

  10. Márcio says:
    10 de abril de 2009 20:51

    Que ótima visão a da Paula a filosofia é usada para tudo em sua vida. Que ótimo!
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  11. Danielle Ribeiro Says:
    10 de abril de 2009 21:50

    Sou aluna no ensino médio. As vezes acho a filosofia difiícil, mas gosto de estudá-la.

  12. arioba Says:
    11 de abril de 2009 05:04

    Caro Márcio, acho que você aborda uma coisa complicada.
    O que é filosofia? Outro dia lendo um texto de um filósofo, ele dizia que a filosofia é tudo que se queira ser!!
    Quando você faz um processo na fábrica, você adota uma "filosofia", quando assobia uma música, também "filosofa", e vai por aí afora.
    Como se pode ensinar isso como matéria numa escola, a começar pelo aluno do fundamental?

    Acho que a humanidade tem três acervos de conhecimentos.

    A Religião, cujo paradigma é o homem como espírito, que tem o atributo da "inteligência", e evolui pela moral, ou justiça.

    A Ciência, cujo paradigma é conhecer o Universo material, através da qual o homem evolui intelectualmente, que confundimos com "conhecer".

    As artes, cujo paradigma é a "excelência" ou a procura do melhor, através da Ética.

    Onde a filosofia, que se direciona para a mente humana, se encaixaria, se não fossem os "dogmas de fé"? Eu diria que na religião, pela ética do "melhor" de cada um!!
    Mas enquanto tivermos uma montanha de "religões", é complicado. Imagine s a ciência fosse uma montanha de "ciências"!!

    Nas escolas deveriam se ensinar todos os conhecimentos. Confunde-se "ensinar religião", com ensinar "cânones" desta ou aquela 'igreja', que não tem nada a ver!
    E aí começa a confusão na filosofia, onde se quer "materializar" como se fosse uma bolina de gude que podemos "pegar" com as mãos e tornar "ciência"!!

    Acho que vocês, filósofos, poderiam procurar primeiro definir que tipo de conhecimento é de fato a filosofia, e aí a coisa ficaria mais fácil de "ensinar" nas escolas! Os "dogmas de fé" religiosos e científicos (o tal reducionismo da matemática) complicam essa definição!!

    Abraços
    arioba

  13. Márcio says:
    11 de abril de 2009 09:22

    A Danielle dá um bom exemplo, apesar da dificuldade não desiste de estudar e aprofundar a filosofia.

  14. Márcio says:
    11 de abril de 2009 09:31

    Arioba, essas chamadas “filosofias de vida” são modos de vida e não filosofia.
    O caderno de exercício de filosofia do Estado de São Paulo diferencia os filósofos comum dos “filósofos especialistas”.
    Talvez o senhor tenha confundido, filosofia não é religião, nunca se afirmou isso no currículo ou em sala de aula! E não são dogmas que ensinamos no ensino médio, mas, ensinamos aos educandos e educandas pensar.
    Sugiro que o senhor se intere mais do currículo básico das escolas na disciplina de filosofia.

  15. Ariana Rosa Says:
    11 de abril de 2009 22:11

    Ela nos ajuda a pensar!
    São Paulo.

  16. Márcio says:
    11 de abril de 2009 22:24

    Melhor definição do que a da Ariani impossível. “Ela nos ajuda a pensar!”
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  17. Anônimo Says:
    12 de abril de 2009 10:04

    Gostei do li,acho muito importante fazer oa alunos de ensino medio a pensar.Porque hoje a midia já dá tudo mastigado e as pessoas tem preguiça de pensar.

  18. Márcio says:
    12 de abril de 2009 10:30

    A pessoa que se identificou com anônima (ou não se identificou). Comungo da ideia dela (dele), pois a mídia dá tudo pronto e ainda de forma distorcida.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  19. Fraterno Maria Nunes Says:
    12 de abril de 2009 10:38

    Não basta ter formação universitária
    Para se adquirir conhecimento, cultura, não basta a pessoa ter formação universitária. Advogado, por exemplo, para ser bom profissional, deve ler com atenção além dos livros inerentes à profissão, mais livros clássicos e pelo menos uma enciclopédia. Quem tem preguiça de ler é eterno ignorante. Pode até enganar a si próprio. Para saber um pouquinho das coisas do mundo é preciso ler, meu. Quem não lê sabe o quê? Ler mediocridades é perda de tempo.

    Fraterno Maria Nunes - Campo Mourão, 12 de abril de 2009
    Não basta ter formação universitária
    Para se adquirir conhecimento, cultura, não basta a pessoa ter formação universitária. Advogado, por exemplo, para ser bom profissional, deve ler com atenção além dos livros inerentes à profissão, mais livros clássicos e pelo menos uma enciclopédia. Quem tem preguiça de ler é eterno ignorante. Pode até enganar a si próprio. Para saber um pouquinho das coisas do mundo é preciso ler, meu. Quem não lê sabe o quê? Ler mediocridades é perda de tempo.

    Fraterno Maria Nunes - Campo Mourão, 12 de abril de 2009.
    fraternomarianunes@gmail.com

  20. Márcio says:
    12 de abril de 2009 10:41

    Concordo com Fraterno a consciência filosófica pode ser formada com muita leitura.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  21. Hans Misfeldt says:
    12 de abril de 2009 16:58

    Creio que a Filosofia é um vasto campo para se adquirir conhecimento, raciocínio e pensamento crítico.

  22. Márcio says:
    13 de abril de 2009 10:25

    Hans Misfeldt afirmou que a filosofia é um vasto arcabouço de “conhecimento, raciocínio e pensamento crítico.”
    Ele entendeu a essência da filosofia. Parabéns!
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  23. Ana Carolina Menocci Says:
    13 de abril de 2009 10:51

    A filosofia tem muita importância para os jovens hoje em dia. É por isso que ela é importante no ensino médio.
    O objetivo da filosofia é fazer pensar, refletir sobre a vida. Se os jovens pensassem e refletissem sobre a vida não fariam muitas coisas que fazem. Não beberia até morrer, não usariam drogas, não fumaria, porque isso é acabar com a vida é a coisa mais preciosa que temos, é um presente de Deus, e se a vida acaba acabamos junto com ela.
    É por isso e por muitas outras razões que é importante o estudo e a compreensão da filosofia.
    Ana Carolina Menocci, aluna do ensino médio – Palmital – SP

  24. Márcio says:
    13 de abril de 2009 11:02

    É bom ver e ler uma jovem escrevendo que: “A filosofia tem muita importância para os jovens hoje em dia.”
    Ana Carolina Parabéns! Continue a filosofar, nas aulas e na vida.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  25. Fabiana Cordeiro da Silva Says:
    13 de abril de 2009 11:17

    A filosofia é importante mo ensino médio para os alunos ficarem sabendo mais profundamente sobre o significado da reflexão crítica, intelecto entre outras coisas que a filosofia abrange.
    Fabiana Cordeiro da Silva, aluna do ensino médio da Escola Estadual J. J. Binttercout – CENE – Palmital – SP

  26. Márcio says:
    13 de abril de 2009 11:49

    Parabéns Fabiana!
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  27. Fernando Augusto Constantino da Silva Says:
    13 de abril de 2009 11:52

    A filosofia nos desperta o lado crítico, o lado “pensante” de ver as coisas.
    Passamos a pensar no porque? Ao invés do como?
    Ainda no ensino médio, época na qual decidimos qual carreira desejamos seguir, qual caminho escolher.
    Poderíamos definir a filosofia como a arte de pensar.
    Fernando Augusto Constantino da Silva, primeiro ano do ensino médio, período da manhã da Escola CENE de Palmital.
    conferemarra@ig.com.br

  28. Márcio says:
    13 de abril de 2009 12:04

    Que bom que: “A filosofia nos desperta o lado crítico, o lado “pensante” de ver as coisas”. Como afirmou o Fernando.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  29. Márcio says:
    14 de abril de 2009 02:59

    Como pensar a filosofia no ensino médio e na sociedade?
    Essa é uma discussão pertinente e interessante.
    Participem!
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  30. Wendy Priscila Says:
    14 de abril de 2009 03:23

    A filosofia não tem muita importância para mim. Pois não encontro motivos para gostar de filosofia.

  31. Márcio says:
    14 de abril de 2009 03:28

    Que bom!
    Um blog de filosofia, nem todos deveria opinar que adora da filosofia, pois sempre temos opiniões diversas. Essa é a riqueza do pensar filosófico.
    Obrigado pela opinião Wendy.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  32. Bruna Francieli Furtado Paris Says:
    14 de abril de 2009 03:34

    Acho que a filosofia não é só importante para o ensino médio, em minha opinião essa matéria deveria ser também estendida para o ensino fundamental também, pois o estudo de fato é uma grande preparação para o futuro e a filosofia é essencial, pois com ela começamos a ter grandes reflexões e pensamos mais antes de agir.
    Bruna Francieli Furtado Paris. Estudante da Escola José Joaquim Binttercout, Palmital – SP.

  33. Márcio says:
    14 de abril de 2009 03:42

    Que sensibilidade a da aluna Bruna no comentário anterior. Ela propôs e cobrou que a disciplina de filosofia fosse obrigatoriedade também no ensino fundamental. Em alguns estados a filosofia no fundamental, na nossa realidade de estado de São Paulo não há.

  34. Márcio says:
    14 de abril de 2009 03:43

    O comentário de Bruna nos da margem para ampliarmos a discussão da importância da filosofia no ensino médio. Essa disciplina (filosofia) foi inclusa na grade do ensino médio por base na aplicação da Lei de Diretrizes de Bases (LDB – 1996). Mas no nosso estado (São Paulo) a filosofia foi implantada quase com mandato de segurança. Que pena!

  35. Márcio says:
    14 de abril de 2009 03:44

    Após essa briga toda ainda, tiveram a pachorra de colocar apenas uma aula no segundo e no terceiro ano do ensino médio. Filosofia não é perfumaria, o governo e a secretaria deveria a começar a olhar a filosofia com outros olhares, chega de desdém com a filosofia, ela é importante como tantas outras disciplinas.
    A discussão foi iniciada, compete aos professores de filosofia e defensores dessa ciência defendem-la.
    Opinem!

  36. Mikaelly Says:
    14 de abril de 2009 07:55

    A filosofia serve para desenvolver o pensamento crítico, não aceitar como verdadeira qualquer ideia sem antes submetê-la à duvuda, à investigação, à reflexão crítica e rigorosa.
    Mikaelly - aluna do ensino médio.
    Palmital - SP

  37. Márcio says:
    14 de abril de 2009 10:57

    A Mikaelly diz que a filosofia serve para desenvolver "pensamento crítico".
    Ótima e correta afirmação.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  38. Priscila Amaro Horibe Says:
    14 de abril de 2009 11:04

    A filosofia serve para desenvolver nossa reflexão crítica, ou seja, é instrumento que nos permite não aceitar como verdadeira qualquer ideia, sem antes submetê-la à dúvida.
    Priscila Amaro Horibe, 3º ano do ensino médio do CENE - Palmital - SP

  39. Márcio says:
    14 de abril de 2009 11:34

    A Priscila disse que a filosofia é uma ferramenta que nos desperta senso crítico e não aceitarmos verdades prontas.
    Proponho que a Priscila responda: È importante estudar filosofia no ensino médio na escola?
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  40. Priscila Amaro Horibe Says:
    14 de abril de 2009 14:30

    Sim, pois a filosofia nos conduz para a busca da verdade e assim para encontrá-la temos que passar por várias reflexões, dando-nos a oportunidade de estar em contato com a sabedoria nos mostrando assim o que é certo ou errado.

    Priscila Amaro Horibe, 3 ano do ensino médio do CENE - Palmital – SP

  41. Anônimo Says:
    15 de abril de 2009 05:20

    Márcio, o que contesto no texto é exatamente a maneira como os "filósofos" pretendem transformar a "filosofia" numa "fórmula matemática" dentro das escolas!!
    Uma coisa é ensinar alguém jogar ping pong, outra coisa é ensinar alguém jogar xadrês!!
    Todos os animais, inclusive o homem, já nascem quase prontos para aprender o "ping pong", mas o homem precisa de muito mais tempo para "jogar xadrês"!! A "escola" é (ou deveria ser) a continuação do "aprendizado no útero da mãe", que se confunde com "instinto"!!
    Arioba.

  42. Ana Raisa - Palmital – SP Says:
    15 de abril de 2009 05:50

    A Filosofia é muito importante para termos conhecimento sobre o que somos sobre o que é ser racional, sobre a nossa razão.
    A filosofia faz com que a gente pare para pensar no hoje, no passado e no futuro.
    Ana Raisa, segundo ano do ensino médio da Escola Estadual Oswaldo Moreira - Palmital – SP
    anaraisa5356@hotmail.com

  43. Márcio says:
    15 de abril de 2009 10:18

    Arioba você poderia explicar melhor essa afirmação: “filósofos’ pretendem transformar a 'filosofia’ numa ‘fórmula matemática’ dentro das escolas!!”
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  44. Márcio says:
    15 de abril de 2009 10:18

    Arioba você poderia explicar melhor essa afirmação: “filósofos’ pretendem transformar a 'filosofia’ numa ‘fórmula matemática’ dentro das escolas!!”
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  45. Franciele Cristina Says:
    15 de abril de 2009 10:26

    A filosofia é super importante por que ela nos ajuda a entender e refletir sobre nós mesmos.
    Franciele Cristina, Escola Oswlado – Palmital – SP.

  46. Márcio says:
    15 de abril de 2009 13:35

    A Franciele afirmou que filosofia é autoconhecimento.
    Temos que deixar claro que a filosofia é a ocupação sobre o pensar, racionar e agir coerentemente.
    Mas, não podemos desprezar a filosofia trata do humano, não como a psicologia, mas essência da filosofia é buscar a humanidade das pessoas.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  47. Jéssica Patrícia Lourenço Rodrigues Says:
    15 de abril de 2009 13:49

    A importância da filosofia na escola e na minha vida é que ela veio falar sobre conhecimento, a ação e o modo de agir de cada pessoa.
    Jéssica Patrícia Lourenço Rodrigues, Escola Oswaldo – Palmital – SP

  48. Roseli Espessotti Says:
    16 de abril de 2009 06:49

    Os nossos jovens precisam se conhecer, conhecer o mundo. Mas na sua totalidade, olhar o mundo com olhos críticos, um olhar holistico para tudo. E a Filosofia nos desperta isso.
    O jovem é um eterno questionador, isso o fará, se começar na escola, um pensador que passará não mas a aceitar tudo o que querem que aceite, mas terá a propria capacidade de pensar por si só e tomar suas próprias decisões, sabendo pesar as consequências dos seus atos.

  49. Profa. Célia Schultz says:
    16 de abril de 2009 06:49

    Sempre inicio minhas aulas nos 1os anos com o Livro "Diário de Anne Frank"..Dele surgem dúvidas e reflexão principalmente sobre o papel do adolescente frente ao social..
    E a Filosofia nessas séries começa dai, do momento da perplexidade para com o mundo..

  50. Márcio says:
    16 de abril de 2009 10:51

    Que belíssima definição a da Roseli: “O jovem é um eterno questionador”. Que dera os jovens percebesse as suas potencialidades de questionar a existência de tudo.
    Obrigado Roseli pela participação...
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  51. Márcio says:
    16 de abril de 2009 10:51

    A professora Célia de uma dica: dizendo que sugere a obra “Diário de Anne Frank". Para instigar as perplexidades dos alunos e alunas.
    Obrigado, pela colaboração professora Célia Schultz. Muitíssimo agradecido.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  52. arioba Says:
    17 de abril de 2009 11:30

    Márcio.
    Se os filósofos não conseguem definir o que que seja "filosofia", como é que se pode "sistematizar" isso como "disciplina" numa escola?
    Então, estou imaginando que se pretende tranformar "filosofia", numa fórmula matemática que se possa "ensinar", como por exemplo, ensinar regras de xadrez, etc.!
    Acho que a filosofia deveria ser um "ramo" da religião, que tratasse da alma ou espírito, na condição de "inteligência" em evolução, na condição do indivíduo humano. A ciência tem como paradigma o conhecimento do universo material. Como transformar a "inteligêncdia", por exemplo, em "coisa material" para a ciência? Conhecendo o mecanismo do órgão cérebro? O processador do automóvel, por acaso é a inteligência de uma automóvel?


    Como se ensinaria "religião" ou a iência" ou as artes, que são as 3 formas de conhecimento, numa escola?
    Somente através de "segmentos" de caracterização ou definições claras e nítidas. Por exemplo, a matemática, a física, a economia, etc. na ciência. A pintura, a música, etc. nas artes.
    E na religião, que trata do "espírito", nao trata da matéria?
    Haveria que se "identifica" pontos claros, por exemplo, a "alma", "Deus", a "moral", etc. etc. No conjunto, forma a "religião", como no outro "conjunto" forma a ciência ou artes.
    A filosofia trata de algo "material"? Acho que não, portanto, se encacharia no paradigma da relgião, que não se deve confundir com igrejas!!
    Acho que se está "transformando a filosofia escolar em alguma "matéria" de livro escolar, que seria como "uma matemática" na ciência. Creio que filosofia não é isso, e por isso mesmo a "indefinição na sua definição"!!
    Contudo, não critico o esforço dos professores na área!! Comento apenas os conceitos.
    arioba.

  53. Márcio says:
    17 de abril de 2009 21:03

    Arioba todos os filósofos que conheço conseguiram definir o que é filosofia, eles apenas divergem nos pontos de vista.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  54. Márcio says:
    17 de abril de 2009 21:05

    Arioba, na escola se fundamenta o que pensou Sócrates, Kant ou Nietzsche Mas, o fundamental da filosofia na escola é que o aluno reflita, Kant pensou isso sobre ética, e como eu aplico a ética na minha família, vida e sociedade.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  55. Márcio says:
    17 de abril de 2009 21:06

    Arioba enriqueça a discussão. Primeiro você disse que: “ACHO QUE A FILOSOFIA DEVERIA SER UM "RAMO" DA RELIGIÃO” depois você disse: “ACHO QUE NÃO, PORTANTO, SE ENCACHARIA NO PARADIGMA DA RELGIÃO, QUE NÃO SE DEVE CONFUNDIR COM IGREJAS!!”
    Poderia explicar-se melhor? Para compreendermos e aprofundarmos sobre esse conceito...

  56. Márcio says:
    17 de abril de 2009 21:08

    Arioba, os seus comentários são pertinentes e agradeço por eles. Não devemos achar culpado pelo utilitarismo da filosofia, nem professor nem aluno, tem culpa de viver numa sociedade, que só valoriza a questão material e esquecem as riquezas dos bens culturais, intelectuais e do saber.
    Agradeço pela recepção das críticas e pelas repostas, agradecido...
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  57. Anônimo Says:
    17 de abril de 2009 21:12

    A filosofia é super importante, por que ela nos ajuda a entender e refletir sobre nós mesmos.
    Franciele

  58. Márcio says:
    18 de abril de 2009 09:12

    De fato a filosofia desperta a reflexão, sobre si e sobre o mundo que nos cerca.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  59. arioba Says:
    27 de abril de 2009 11:30

    Marcio
    Sobre a questão da religião e igreja.
    Voce entende que empresa não é ciência? Pois bem, a empresa é para a ciência o que a igreja é para a religião.
    O paradigma da religião se reporta ao conceito de acervo de conhecimentos, como é também a ciência e as artes. Não se trata de "regras, normas, cânones, etc. etc.", apenas conhecimentos! Não congregam pessoas!!

    As igrejas são instituições que demandam normas, cânones, regras, estatutos, etc., e as congregam pessoas. Os dogmas de fé são típicos das igrejas, não dogmas na religião, como também na ciência etc. Ciência não são os "cientistas", da mesma forma que a religião não são os religiosos, nem as artes, os artistas!! As pessoas se congregam em algo, para "praticar" os acervos de conhebimentos!! Escolas, por exemplo, são como igrejas, ou empresas, ou instituições, ou governos etc.etc.

    Quanto falo da filosofia se encaixar na 'religião', é como forma de conhecimento, não de prática do que quer que seja!!

    Como filósofo, como você definiria os paradigmas da religião, da ciência e das artes??
    Aí poderia entender onde a filosofia se encaixa melhor!

    arioba

  60. tuim says:
    30 de abril de 2009 05:54

    A filosofia na escola, como já bem disse o professor Márcio, é fundamental, pois com a filosofia, o aluno passa a ver o mundo em sua posição mais critica e procura através desta, recorrer para o melhor de si e da sociedade. A filosofia visa o quetionamento para uma visão segura, onde a ÉTICA se torna como uma virtude para o individuo.
    É preciso desde já nas escolas, o posicionamento filosofico, pois com ela, (1) o individuo (o aluno), passa a reconhecer o valor de si mesmo (que ele é importante numa sociedade e que tem direitos e deveres), e (2) mas também saber que nada sabe, ou seja, apenas com a humildade de querer conhecer e ajudar o outro, se torna uma experiencia valiosa, pois assim, é se constrói uma sociedade voltada para o respeito e honestidade para com o próximo.
    Professor Márcio, gosto muito de ler as suas colunas na internet, pois com elas, se torna possivel um melhor aprendizado, com posicionamento da sociedade atual.
    Sou Anderson Servilha, estou cursando o 2° ano de Filosofia, pela Faculdade João Paulo II (FAJOPA) - Marilia/SP.

  61. Márcio says:
    30 de abril de 2009 09:50

    Arioba fala do ponto de vista externo da educação. Nós educadores, sabemos qual o papel da filosofia no ensino médio e na vida. Se ela é dogmatizada, doutrinada pela sociedade a culpa não é da escola, penso eu!
    Obrigado pela colaboração sempre....

  62. Márcio says:
    30 de abril de 2009 09:53

    Anderson sintetizou seu pensamento da importância da filosofia na escola dessa forma “É preciso desde já nas escolas, o posicionamento filosófico, (...)”.
    Obrigado Anderson, participe sempre...
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  63. Anônimo Says:
    30 de abril de 2009 11:28

    Boa Tarde Márcio!!

    Sou assinante da revista Filosofia Ciência & Vida, e na edição de número trinta e dois (meu teclado esta com dificuldades para digitar os números),encontrei uma nota sobre o seu blog "Professor de Filosofia". Parabéns pela iniciativa. Seus textos, dicas, comentários são pertinentes e contribuem para enriquecer o debate sobre o ensino da Filosofia entre os jovens, e tbm entre os adultos.

    Atenciosamente,
    Liliane A. S. C.

  64. Márcio says:
    30 de abril de 2009 15:19

    Agradeço pela gentileza da leitora e assinante da Revista Filosofia Ciência & Vida, Liliane obrigado pelas palavras de incentivo. Participe quantas vezes quiser e puder, o blog é um canal aberto de discussão.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  65. Paola says:
    13 de maio de 2009 13:25

    Professor fikei muito contente em saber que seu blog é muito bem vistoo!

    Paola 2ºB(Cene)Palmital

  66. Mario Augusto Says:
    14 de maio de 2009 04:57

    Meu comentário agora será breve.
    A cada dia que passa o homem descobre novas verdades que vão clareando seu caminho e mostrando seu objetivo aqui. Vivemos na grande escola terra, vivenciando papeis que nos permitam compreender a vida e a nós mesmo. A vida é transitoria, se transforma, portanto ilude-se quem se apega a ela. Aprender filosofia para mim é aprender a conhecer o mundo, com multiolhos, ver as possíveis portas que a filosofia pode abrir para nós do ensino médio.
    O agora é a essencia de tudo, vivo filosofando no AGORA, nunca no amanha.
    Todos somos aprendizes nessa jornada, correto admitirmos que nada sabemos... Estamos ainda a beira mar, molhando os pés no oceano da vida!!!

    ( Mario Augusto, estudante do segundo ano do ensino médio, na escola Oswaldo Moreira Silva Palmital - SP)

  67. Márcio says:
    15 de maio de 2009 08:58

    Paola disse que fica feliz em saber que o blog é bem visto. Eu que fico mais feliz em ser seu professor de filosofia no ensino médio na Escola Estadual José Joaquim Bittencourt – CENE, Palmital – SP.
    Obrigado Paola pela visita, acesse outras vezes.
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  68. Márcio says:
    15 de maio de 2009 09:04

    Que interessante a compreensão do Mário “Aprender filosofia para mim é aprender a conhecer o mundo, com multiolhos, ver as possíveis portas que a filosofia pode abrir para nós do ensino médio”, enfatiza o filósofo.
    Também com prazer é meu aluno do ensino médio da Escola Estadual Oswaldo Moreira Silva Palmital – SP.
    Mario Augusto suas considerações são importantíssimas, claras e bem elaboradas, parabéns!
    Continue filosofando...
    Márcio Alexandre da Silva – Autor do texto original (Filosofia na Escola)

  69. alex sandra ribeiro teodoro Says:
    9 de julho de 2009 16:22

    a filosofia er ao meu ver essencial do ser humano e ato de questionar e discutir investigar e refletir logico que pelo proprio significado da palavra {amar+sabedoria}nao tem como negar sua importancia para o ser humano a sabedoria e muito mas que conhecimento e tambem,sobrevivencia por isso e importantissimo ter conhecimento; ela tambem nos dar condiçoes de entende melho a nossa existencia;alem de sua utilidade ao mostra;insuspeitas e possibilidades:a filosofia tem um valor; talves seu maior valor sejepor causa da grandeza e dos objetos que ela comtenpla. e da liberdade proveniente da visao rigorosa e pessoal resultando a sua contenplaçao a vida do homem.reduzido ao intinstos enterreses particulares; a familia e os amigos

  70. Anônimo Says:
    26 de novembro de 2009 10:47

    Filosofia ajuda a pensar melhor mais nao ajuda a descobrir as soluçoes para os "fantasmas do mundo".

  71. Anônimo Says:
    15 de março de 2011 15:51

    a filosofia deve ser muito presente e principalmente na escola porque é onde ira ensinar nós alunos,a questionar em argumentos que de forma nos ajudara a construir uma sociedade

  72. helenice Says:
    4 de maio de 2011 19:39

    estou fazendo meu tcc sobre filosofia porque ela esta presente em todos os momentos de nossas vidas,nos ajudando na construção da sociedade,ja nascemos filosofando.

  73. Helena Says:
    16 de maio de 2011 05:40

    filosofar e descodrir maneira de sempre entender o que nos cerca e o que nos espera.Maneira de ajudar a entender o que seremos.

  74. Anônimo Says:
    3 de julho de 2011 01:54

    A Filosofia é tão poderosa, que foi covardemente, proibida na ditadura militar pois ela, nos estimula á questionar, refletir e pensar. Sem medo de nada, ela julga até deus,nem ele é tão poderoso quanto a F-I-L-O-S-O-F-I-A!

  75. Unknown says:
    30 de dezembro de 2012 17:16

    Realmente acho que a Filosofia deveria estar incluída no currículo obrigatório do Ensino Fundamental. Existem valores e atitudes, tanto éticas quanto morais que deveriam ser tratadas quando da formação da personalidade do aluno. Não de forma manipuladora, mas sim, no objetivo primordial da Filosofia: o despertar do senso crítico.
    Rose Savoff, Licenciada em Filosofia - Rio Branco/AC

  76. Kamila Del Bianchi Says:
    30 de abril de 2013 09:56

    Eu adoro filosofia e ate entao so lia livros mais aguora eu tenho um blog sobre meu assunto preferido muinto obriguada .....

  77. Kamila Del Bianchi Says:
    30 de abril de 2013 10:01

    Eu vou falar para todas as minhas amiguas deste blog ..... nao da para resistir é´muinto interresante..